Os Pioneiros da Educação Nova…

O manifesto dos pioneiros da educação nova foi um manifesto feito por intelectuais da década de 30 onde a educação no Brasil encontrava-se estagnada, o manifesto era constituído de um documento onde 26 intelectuais apresentaram propostas de melhorias para a reconstrução da forma como a educação no Brasil estava fundamentada, que era voltada para a elite e com influências religiosas, as idéias eram contrarias a presença religiosa nos métodos de ensino, e os intelectuais em suas idéias refletiam que a escola deveria ser laica e   atender a todos, sendo liberal,gratuita e mista onde homens e mulheres podiam compartilhar o mesmo espaço de aprendizado.

A ABE, Associação Brasileira de Educação é uma organização onde intelectuais da época quando o manifesto foi lançado debatiam idéias referentes as melhorias de educação, e em um congresso realizado após a revolução de 30 com o governo provisório onde Getúlio Vargas então presidente, exigia mudanças e realizou a IV Conferência Nacional da Educação em 1931 onde os principais expoentes do grupo liberal que faziam parte da ABE, Anísio Teixeira, Lourenço Filho e Fernando de Azevedo, mostravam idéias renovadoras, o outro grupo eram os católicos conservadores e em março de 1932 o manifesto foi lançado trazendo as bases para a melhoria na educação brasileira  após 79 anos passados O Brasil esta caminhando rumo ao desenvolvimento da educação.

O Manifesto, assinado por 26 intelectuais e dirigido ao povo e ao governo brasileiro, consagrou a defesa formal da escola para todos e conferiu visibilidade às contradições do nosso processo de escolarização estimulando o debate em torno da democratização do acesso à educação.

Video Relacionado ao assunto:

"Se você acha que a educação é cara, tenha a coragem de experimentar a ignorância." (Derek Bok)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


2 + três =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>